Guaíra2 Cia de Dança em turnê

Data 24/09/2009 | Assunto: Notícias


O Guaíra2 Cia. de Dança continua sua turnê com o mais novo espetáculo “Faces”, coreografia de Eunice Oliveira, que estreou em maio deste ano. As apresentações irão  até o mês de novembro. A próxima cidade será Maringá, no dia 30, quarta-feira.

Com o pé na estrada
Depois se apresentar em Paranavaí, o Guaíra2 Cia. de Dança já está a caminho  de Maringá, onde fará uma apresentação nesta quarta-feira, 30 do mais novo espetáculo “Faces”, que estreou em maio deste ano.
A apresentação no Teatro Calil Haddad, na Av. Dr. Luiz Teixeira Mendes, 2500.
Para o mês de outubro estão agendadas 5 apresentações. A primeira será no dia 3 em Araucária, no Teatro da Praça, na Rua São Vicente de Paula, 1091. As outras datas serão: dia 9 em Francisco Beltrão, no Teatro Municipal (Espaço da Arte) , na Rua Octaviano Teixeira dos Santos, 1121; No dia 11 em Campo Mourão, no Teatro Municipal, na Av. Comendador Norberto Marcondes, 684 e nos dias 28 e 29 em Passo Fundo (RS), no Teatro do SESI, durante às comemorações da 13ª jornada Nacional de Literatura.
Em novembro a apresentação será no dia 9, na cidade paranaense de Cascavel, no Centro Cultural Gilberto Meyer, na Rua Duque de Caxias, 379.
As apresentações nas cidades de Paranavaí, Maringá, Francisco Beltrão, Campo Mourão e Cascavel serão realizadas em parceria entre o Centro Cultural Teatro Guaíra e a FIEP (Federação das Indústrias no Paraná) em comemoração ao seu 65º aniversário.
Em todas as cidades a apresentação terá início às 20h.
“Faces”
O espetáculo “Faces” estreou em maio deste ano no Teatro José Maria Santos e já foi apresentado diversas vezes com muito sucesso. Durante o espetáculo os bailarinos dançam em volta e por dentro de uma estrutura metálica e transparente para mostrar as diferentes faces que o ser humano costuma criar quando vive em sociedade.
A coreografia de Eunice Oliveira tem como objetivo provocar uma reflexão a respeito da construção das imagens que o ser humano faz de si mesmo e de seus semelhantes. As modificações dessas imagens, com o decorrer da vida, também fazem parte da essência do roteiro, criando assim um espetáculo bastante original.
A respeito da coreografia é a própria Eunice que diz “no decorrer da vida, criamos para nós próprios e vemos nos outros diversas faces e acreditamos no que vemos (ou pensamos que vemos). A vida em si tem também momentos que nos transformam, faces da vida que modificam nossas faces, como nas estações do ano modifica-se a natureza. As vidas de cada um e todos nós estão interligadas, porém a ligação é invisível aos nossos olhos, assim como o é a força que move essas vidas. Podemos fazer mil planos, mas nunca temos a certeza de concretizá-los porque a nossa existência não está só em nossas mãos e a vida traz surpresas”.
Para a coreografia são utilizadas diversas músicas em variados estilos e autores como: Buena Vista Social Club, Ed Côrtes, James Newton Howard, Matisyahu, Thomas Newman, Yael Nainn, Yann Tiersen, Zbigniew e Preisner.
A coreografia e cenários são de Eunice Oliveira. A iluminação é de Cleverson Cavalheiro. Assistente de ensaio : Grazianni Cannalli. Figurinos : Ricardo Garanhani. Elenco : Ana Silva, Clionise Barros, Deisi Wor, Inês, Julio Mota, Leandro Nascimento, Rogério Halila, Estagiários : Evandro Motta, Hadiji Nagao, Marina Scandolar, Willian Lucas.








Está notícia foi publicada no Centro Cultural Teatro Guaíra http://www.teatroguaira.pr.gov.br

Endereço desta notícia:
http://www.teatroguaira.pr.gov.br/modules/noticias/article.php?storyid=340