• Locação
  • Parceiros
  • Vídeo Institucional

Destaques

Guaíra lamenta morte de Suzana Braga

O Teatro Guaíra lamenta profundamente a morte da crítica de dança Suzana Braga, que foi diretora do Balé Teatro Guaíra (BTG) entre os anos de 1998 e 2002. “Estamos muito tristes; Suzana foi uma pessoa maravilhosa e uma profissional fantástica”, lamentou a diretora-presidente do Centro Cultural Teatro Guaíra, Monica Rischbieter.

Suzana foi responsável por grandes sucessos do BTG. Sob sua direção foi produzido o espetáculo “Segundo Sopro”, sucesso de público e de crítica; e remontado “O Grande Circo Místico”, com músicas de Chico Buarque e Edu Lobo, que viajou por todo o Brasil.

Grande entusiasta da dança, Suzana Braga foi coautora, com Joel Gehlen, de duas publicações sobre o Festival de Dança de Joinville. Foi bailarina do Theatro Municipal do Rio de Janeiro e professora na Academia Tatiana Leskova, Teatro Tablado, Núcleo de Dança Contemporâneo, Escola Superior de Propaganda e Marketing e Balé Stagium (SP).

Suzana morreu na manhã desta sexta-feira no Rio de Janeiro.  

Recomendar esta notícia via e-mail:

Campos com (*) são obrigatórios.